Páginas

Meu homem, meu amor!

Postado por Soninha | Marcadores: | Posted On quinta-feira, 12 de maio de 2011 at 10:55

O meu homem não é e não pode ser uma pessoa de mal com a vida, mal humorado, insensível, incapaz de agradar, ou de demonstrar afeto e ser carinhoso. Meu amor não é rude, grosso, ou bruto.

Meu homem me ama do jeito que mereço.

Meu amor me agrada, me dá carinho, me diz que coisas que me faz sentir rainha. Acha graça das minhas brincadeiras e é afetuoso e sensível.

Meu homem não é meloso, não. Mas, não se importa de me acariciar o ego.

Meu amor sabe amar e sabe que viver o amor é a melhor coisa do mundo. Para o meu amor, o que importa é a intensidade. Por isso, não vivemos pela metade, em parte, em pedaços... Somos felizes porque nos amamos por inteiro.

Somente alguém assim pode ser meu homem e meu amor.

Construção coletiva

Postado por Soninha | Marcadores: , , , , , , , | Posted On segunda-feira, 9 de maio de 2011 at 22:38

Camarada e amiga Olgamir - Secretária da Mulher do DF
Já dizia Lulu Santos que a vida vem em ondas e para mim um novo momento está iniciando. Eu só espero que este momento seja realmente tudo o que espero dele, ou pelo menos uma parte do que está se mostrando até aqui.

Estou trabalhando há um mês no Governo do Distrito Federal, cuidando da Comunicação (minha grande paixão) da Secretaria de Estado da Mulher, uma secretaria criada pelo Governador Agnelo, no início deste ano, portanto, algo que está sendo construído aos poucos, mas com uma equipe maravilhosa, coordenada por uma amiga de muitos anos, mas, acima de tudo, por uma comunista de sólidos compromissos de transformação social, chamada Olgamir Amância, nossa Secretária.

Tem sido um desafio diário esta nossa construção, mas quando há confiança, solidariedade, compromisso e espírito coletivo, a gente vai vendo os projetos serem gestados e o sucesso de cada ação leva à satisfação de todo o grupo.

No dia-a-dia, para além do trabalho, também vai se forjando a cumplicidade e afetividade entre nós – que nos conhecíamos há tempos ou que estamos nos conhecendo agora.

Comunistas na Secretaria da Mulher:  Silvânia, Valesca, eu e Maria Valéria
Por isso, seria injusto não citar minhas camaradas Maria Valéria, que foi aquela que lembrou de mim, me indicou e me chamou para compor esta equipe, mas também Valesca e Silvânia, antigas conhecidas de atividades partidárias. Osman, Deusa, Cenir, Helena, Cirlene, Sérgio, entre outras pessoas que estou conhecendo, também tem revelado grata surpresa.

Considero que este registro precisava ser feito.

Que esta nossa disposição, compromisso, alegria e amizade se fortaleça ao longo do desempenho da nossa tarefa e que possamos fazer com que esta Secretaria cumpra seus objetivos, sob a batuta da nossa querida comandante Olgamir.

Mães

Postado por Soninha | Marcadores: , , , | Posted On domingo, 8 de maio de 2011 at 00:09

De sangue e de amor